Home Instagram Como o BBB impacta diretamente o marketing no Instagram?

Como o BBB impacta diretamente o marketing no Instagram?

by gabrielaraujo
0 comment

Completam-se em 2022, os 20 anos que o primeiro BBB estreou na TV brasileira, trazendo para o país um formato muito popular no mercado estrangeiro que é o formato dos reality shows. O que, anos depois, tornaria-se uma febre nacional, seguindo o apelo estrangeiro.

Por mais que esse não tenha sido o primeiro reality show nacional, o Big Brother Brasil se tornou o programa de maior atenção nesse sentido, mesmo vindo após outra adaptação de um formato internacional, como o No Limite, versão do programa de competição Survivor.

Dentro desses 20 anos o Big Brother passou por diversas modificações, tanto na dinâmica do jogo, como na relação criada entre o público e o programa, utilizando de diferentes plataformas para que fosse feita a interação junto ao reality show.

Uma relação que fez com que os mais diversos empreendimentos também tivessem suas atividades afetadas pela popularidade do show, com uma empresa de brindes corporativos tendo que analisar as tendências do BBB para apresentar seus produtos.

O destaque digital que o programa conquistou, alimentando as mais diversas interações nas plataformas virtuais fez com que as mais diversas companhias pudessem também se aproveitar do sucesso do programa, fazendo referências em suas comunicações.

Sendo possível dar um destaque diferenciado aos seus produtos e serviços, ao ser feita uma relação direta com algum tópico que possa estar em alta, após se discutido no próprio Big Brother. Seja pelos participantes ou por uma ação comercial paga.

Isso porque o BBB se tornou também uma oportunidade de negócios para os mais diferentes tipos de empreendimentos divulgarem os seus serviços. Seja de forma direta, com patrocinadores do show, ou por meio de anúncios relacionados ao programa.

Variando entre marcas de roupa, lojas de variedades, chegando até mesmo a uma empresa de automação, levando o conta o perfil do público que acompanha o programa, e como essa audiência pode estar contida dentro do seu nicho de público.

E tamanha a popularidade do reality show, cada vez mais diverso se torna o seu público, sendo possível conectar as suas ações comerciais ao que ocorre na casa mais vigiada do Brasil, tendo a certeza que parte de sua audiência será atingida por tais associações.

Mas para entender um pouco melhor sobre o sucesso do BBB, é preciso antes entender como funciona o programa, e como foi feita a adaptação do formato para se chegar ao fenômeno atual.

O fenômeno midiático que se tornou o BBB

O formato do Big Brother tem origem holandesa, criado pelo magnata da mídia John de Mol Jr., com a primeira exibição do programa ocorrendo em 1999. Não demorou para o formato chegar ao mercado internacional, sendo vendido para os mais diversos países.

E assim surgiu o Big Brother americano, inglês, argentino (conhecido como Gran Hermano), entre as mais diversas adaptações, assim como com o Big Brother Brasil, popularmente é conhecido pela sigla BBB, tornando-se uma das hashtags de maior interação na internet.

O título é uma referência à obra de George Orwell “1984” que trazia a figura do Big Brother, o “Grande Irmão”, uma figura que observava e vigiava de forma contínua as ações da sociedade. Similar ao que acontece no programa, por meio das câmeras televisionadas.

Sendo criado assim um reality show de competição em cima do conceito de automação robótica de processos, no qual as atividades passaram a ser vigiadas por um sistema de computador, com a diferença de que o poder de decisão está nas mãos do público.

Após uma série de dinâmicas sociais que ocorrem na casa, semanalmente uma série de participantes é colocada em uma competição direta, no qual a audiência irá decidir sobre a permanência dos indivíduos que seguirão a disputar o prêmio máximo estipulado.

Um formato prático e de fácil compreensão, no qual se destaca o movimento de observação social, servindo quase como um experimento, no qual o público é entretido a partir das ações executadas por um conjunto de pessoas dentro de um ambiente isolado.

Mesmo sendo um programa de alta audiência, o BBB também precisou se adaptar, para que fosse possível manter essa popularidade do show. Tudo levando à vigésima edição do programa, ocorrida em 2020, responsável pelos seus crescentes índices comerciais.

Com a decisão de dividir o número de participantes entre figuras desconhecidas e pessoas de destaque na mídia, o Big Brother Brasil passou a lidar com índices expressivos de interações na internet, muito por causa do destaque desses indivíduos na internet.

Especificamente nessa edição houve a participação de figuras midiáticas, como a cantora Manu Gavassi, o ator Babu Santana e as influenciadoras digitais Rafa Kalimann e Bianca Andrade, popularmente conhecida como Boca Rosa.

Pessoas que já entravam na casa com um certo destaque, dando ao programa um maior interesse desde o seu primeiro dia, com esses participantes funcionando como displays personalizados, trazendo destaque para o que está presente em uma loja, por exemplo.

Fenômeno que repetiu no ano seguinte, com a edição 2021 batendo diversos recordes de audiência e de votação, com uma média nacional de 27 pontos de audiência e de 51% de share, o número de televisores sintonizados, como aponta o Painel Nacional de Televisão.

Um destaque que se repetiu nas redes, principalmente no Instagram, no qual os usuários, assim como e perfis especializados no programa discutiam temas e acontecimentos no programa, tornando seus participantes em grandes fenômenos da internet.

A vencedora da edição Juliette Freire, por exemplo, entrou na competição com o número de 3 mil seguidores, terminando sua participação com 23,5 milhões. Índice que cresceu e hoje ultrapassa a faixa de 30 milhões.

Com base nessa alta interação entre usuários no Instagram, existem dicas que podem ser levadas em conta para a gestão de marketing do seu negócio, esteja ele associado ao programa ou sendo algo mais específico, como um serviço de sondagem mista.

Sendo preciso apenas saber como analisar corretamente as práticas que tornam o show um fenômeno multimídia, saindo da TV e chegando às redes sociais.

O que o BBB ensina ao marketing digital?

Existem pontos específicos em relação ao estoque dos BBB nas redes que podem e devem ser replicados na gestão dos seus negócios na internet, com o intuito de aumentar a percepção digital em cima do seu negócio, por meio de ações como:

Questões que devem receber uma atenção individual, para que seja possível alcançar bons resultados na rede, assim como o Big Brother consegue junto ao seu público.

Engajamento

Um dos motivos do BBB ser um fenômeno nas redes está no método de engajamento adotado pelos perfis oficiais e paralelos associados ao programa, levantando discussões, nas plataformas, com conversas a serem expandidas pelos próprios usuários.

A mesma coisa pode ser feita com uma empresa responsável pela oferta de materiais usados em controle de acesso, ao falar dos seus produtos na rede, ao mesmo tempo em que é possível atrair uma atenção diferenciada ao citar eventos ocorridos no programa.

Criação de tendências

Tamanha a popularidade atual do show, é comum que algumas tendências possam se formar a partir do programa, como um bordão de um participante ou uma peça de roupa específica usada por ele. Tendências a serem observadas por quem atua nas redes.

Sendo importante adotá-las à sua comunicação, conquistando dessa forma um interesse diferenciado por parte dos usuários que seguem o seu perfil na rede, e também fazem parte do público de espectadores do programa.

Comunicação com o público

Ao mesmo tempo que uma marca na internet busca ter um maior engajamento junto aos seus perfis, é preciso também ter uma comunicação clara com o seu público, permitindo que esse engajamento possa ser alcançado, por meio desse contato constante.

Storytelling

Mesmo se tratando de um programa não roteirizado, no BBB histórias vão sendo desenvolvidas, seja pelas ações dos próprios participantes ou pela visão do público em cima de suas expectativas sobre os competidores presentes na casa.

A popularidade do show se dá muito por causa dessa criação de história. Algo a ser observado por quem sintra algum tipo de negócio na internet, com o storytelling permitindo para uma fábrica de chave de partida criar uma narrativa de destaque nas redes.

No geral, esses conceitos podem aumentar a percepção da sua marca na internet, seguindo o que os próprios perfis dos participantes costumam fazer por meio do Instagram. Com os administradores de suas contas seguindo essas práticas para aumentar seu engajamento.

Conquistando uma posição de destaque dentro dessa plataforma específica. Uma atividade que pode servir como inspiração para quem comanda o perfil digital de alguma marca, diante do trabalho de divulgação feito em cima desses participantes por meio da internet.

Permitindo com que o mesmo projeto de controle de acesso que libera a entrada e saída dos participantes de pontos específicos da casa, também possa receber o destaque aqui fora, por meio de empresas que trabalham com esse tipo de serviço.

De uma forma geral, o BBB é um programa repleto de oportunidades. Não só para quem participa, como também para quem sabe como aproveitar as ações comerciais que podem servir de inspiração para o seu negócio.

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

Related Posts

Leave a Comment